Dez alimentos que fornecem energia para o treino

A alimentação é uma aliada importante para fornecer energia para o treino. O que você come ou deixa de comer pode sim influenciar e te ajudar a ter mais disposição para iniciar uma rotina de atividades físicas.

0073a90eFalta energia para treinar? Não se desespere. A alimentação é uma aliada importante. O que você come ou deixa de comer pode sim influenciar e te ajudar a ter mais disposição para iniciar uma rotina de atividades físicas.

Pensando nisso, pedimos ao conceituado nutricionista Julio Aquino, membro do American College of Sport Medicine (ACSM) e do Institute of Functional Medicine (IFM) e certificado em Personal & Professional Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching, uma lista de dez alimentos que ajudam a fornecer energia para encarar a malhação.

1. Gengibre: seus nutrientes ajudam a acordar o corpo. Tem a capacidade de gerar energia e disposição. É um excelente sudorífero e auxilia na digestão dos alimentos ingeridos antes do treino. Pode ser usado em um suco detox.

2. Abacate: tem gorduras que podem ajudar a manter os níveis de energia durante o treino. Além disso, tem carboidratos que são essenciais antes da atividade física. Se adicionado de limão, aumenta ainda mais a disposição para treinar.

3. Mel: este alimento tem enorme função na produção de energia devido à grande quantidade de carboidratos. Excelente para treinos de 30 minutos. Aumenta a quantidade de histamina e assim ajuda na disposição para exercícios aeróbicos.

4. Coco: seu óleo ajuda na produção de energia sem a utilização do açúcar. Muito bom para os diabéticos e tem excelente ação na falta de energia, que pode acontecer depois da primeira meia hora de treino.

5. Água de coco: riquíssima em potássio, ela ajuda a hidratar as células e aumentar seu potencial de ganho de força. Além disso, tem carboidratos que geram energia muscular durante o treino. Pode ser usada durante o treino.

6. Canela: seu alto poder antioxidante ajuda na perda de gordura durante a atividade física. É uma planta que auxilia na geração de calor corporal e tem ação na vascularização dos músculos.

7. Clara de ovo: a albumina é uma proteína com muita digestibilidade e, por isso, fornece aminoácidos importantes para a formação dos músculos e outros tecidos orgânicos como tendões. Ajuda na recuperação da dor provocada pelo exercício, assim como na dor durante o exercício.

8. Aveia: esse alimento pode ser usado para pessoas com queda de energia durante o treino. Por ser um alimento integral, a velocidade de digestão é diminuída e, assim, fornece energia por mais tempo.

9. Chá verde: a cafeína contida no chá verde faz com que o sistema nervoso fique desperto e faz o músculo gerar grandes quantidades de energia. Deve ser usada em treinos curtos. Mas é preciso ter cuidado antes de sair tomando o chá verde por conta própria. Ele pode aumentar a pressão de quem já tem hipertensão.

10. Pasta de ricota: rica em uma proteína chamada caseína, ela ajuda na manutenção da massa muscular e na recuperação muscular após o treino. Ingerida com algum tipo de carboidrato, aumenta significantemente a musculatura.

Fonte: Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *